COMO VENDER MAIS – Porque a Maioria dos Produtos Não Vende {Hotmart, Eduzz e Monetizze} Alex Vargas 2018/04/18 at 12:11pm 2018/08/15 at 5:36pm

Você sabia que a maioria dos produtos digitais não vende bem?

Mesmo que alguns vendam bem, a grande maioria não consegue se estabilizar no mercado.

E você sabe por que isso acontece?

Neste artigo, eu vou lhe contar o que eu descobri, ao longo desses anos sobre o que pode fazer com que um produto não venda bem. E, claro que, ao falar desse assunto, eu também darei a solução para reverter esse problema.

GRÁTIS! Como Criar Seu Negócio Online do Zero... Garantido!

Download gratuito... Mais de 100 Páginas de pura estratégia!

Mais de 520 Mil Downloads

A seguir, vou falar 4 pontos pelos quais um produto não vende bem e o que você pode fazer para mudar isso, caso você esteja com esse problema. Mas antes disso, vou deixar 3 artigos completos para você escolher uma das plataformas para lançar o seu produto:

o produto pode ter atrapalhar a vender mais

#1 Produto meia boca

O problema aqui é que as pessoas pensam em um produto, o criam “mais ou menos” e depois tentam vender. Só que isso está totalmente errado.

Vou falar sobre 3 erros que as pessoas cometem na hora de fazer um produto e dar a solução para cada um deles:

Erro 1: Tentar vender primeiro

As pessoas criam um produto e depois procuram a quem vendê-lo.

A maioria das pessoas pensa em um produto, faz esse produto sem se preocupar com a qualidade dele, pra somente depois tentar vendê-lo;

Isso está errado.

  • Solução: Seria melhor ter pessoas interessadas, primeiramente, e só depois criar um produto.

Por exemplo:

Digamos que você goste de tudo sobre vídeos (edição, produção, câmeras…). Seria muito melhor você participar do seu nicho, antes de fazer um produto.

  • Você poderia ser um afiliado;
  • Poderia ter um site;
  • Poderia ter um canal no You Tube…

Dentro dessas opções acima, você poderia dar dicas sobre o assunto e assim, começar a construir uma rede de pessoas em volta de você e, ao fazer isso, as pessoas vão interagir com você, vão comentar, vão participar…

Com toda essa interação com as pessoas, você poderá identificar quais são as dores delas, quais são as dúvidas recorrentes, do quê elas mais precisam…

Você vai criar o seu produto baseado nessas informações e a partir dessas dores e dúvidas que as pessoas já falaram para você que têm.

Então, você vai criar um produto, sabendo que é um produto bom, que é o que as pessoas querem e o melhor, você já tem as pessoas que vão comprar o seu produto.  É uma inversão daquilo que a maioria faz de forma errada e é bem melhor assim.

Leia Também: Como Ganhar Dinheiro na Internet

Erro 2: O produto não é bom

Se um produto não tem qualidade, ele não vende.

O seu produto precisa tratar de um assunto, de maneira completa e não ser apenas um “produtinho”, que entrega um “beneficiozinho”. Isso não é legal.

  • Solução: O Produto precisa ser abrangente e completo. A pessoa precisa ter a impressão de sair ganhando.

Você precisa mostrar para as pessoas que estão vendo a sua página ou vídeo de vendas, que aquilo que você entregará para elas vale infinitamente mais do que o que você vai cobrar.

A pessoa precisa ver que o seu produto é completo, que vai resolver o problema dela, e que, com o seu produto em mãos, ela vai resolver tudo que ela precisa sobre aquele assunto.

Isso é que é um produto abrangente, que dá a impressão de que a pessoa saiu ganhando algo de você.

Erro 3: Não identificar uma dor específica.

Fazer um produto sem direcioná-lo para uma dor específica é um erro muito comum entre os empreendedores digitais.

Um produto que não resolve um problema específico não vai chamar a atenção das pessoas e não vai despertar interesse em comprar.

  • Solução: Atinja uma dor específica.

Por exemplo:

Digamos que você fez um curso ensinando a montar sites no WordPress e, ao invés de divulgá-lo da seguinte maneira:

“Este aqui é curso de criação de sites com o WorPress.”

Se, ao invés disso, você divulgar assim:

“Este aqui é um treinamento completo, de criação de sites, passo a passo, do básico ao avançado, com a maior e mais simples ferramenta do mundo, onde você vai aprender a criar, em poucos minutos, grandes portais, a nível profissional, podendo cobrar depois um alto valor por um site pronto, mesmo que você seja um total iniciante, que não entenda nada de designer e que nunca tenha pensado em criar sites. Realmente, é muito fácil!”

Notou a diferença?

No segundo texto, falamos de dor, de benefícios, dei respostas positivas para qualquer objeção futura, etc.

Você notou que eu falei a mesma coisa, mas de maneira mais eficaz, atingindo a dor das pessoas?

A sua comunicação precisa ser clara e assertiva na hora de falar do seu produto.

A sua comunicação precisa ser baseada em benefícios, precisa mostrar o resultado final, não a funcionalidade.

Um curso de WordPress por si só é a funcionalidade. Você precisa mostrar os benefícios dele, como: criar sites maravilhosos em minutos, mesmo que você não saiba nada.

O segredo é ter uma comunicação apelativa, exagerada. Isso não quer dizer que você precisa mentir. Você não vai mentir, mas vai utilizar metáforas, para que o seu cliente crie, em sua mente, imagens de algo bem maior.

Por fim, você precisa estar atento à qualidade do seu produto. Nas plataformas de vendas de produtos digitais há produtos que, obviamente, não serão vendidos, pois os produtores não deram a devida atenção à qualidade do produto, do material de divulgação, etc.

Para uma pessoa ver um produto e comprar, primeiro ela olha para a qualidade dele.

Leia Também: Como Ganhar uma Renda Extra

como vender mais e gerar tráfego

#2 Não saber fazer tráfego

Ter um produto de qualidade é ótimo. Tendo um bom produto, as pessoas vão comprar, vão indicar para alguém e vão se afiliar.

Mas, de nada adianta ter o melhor produto do mundo, se as pessoas não estão vendo.

Cadastrar o seu produto na plataforma de vendas e convidar afiliados é fácil. Afiliados são ótimos, pois eles ajudam a vender o seu produto -, mas você não pode, de maneira nenhuma, apoiar a sua estratégia só em cima disso.

Você precisa trazer pessoas para dentro do seu site.

Não importa se você é um afiliado, um produtor ou tem uma loja virtual; você precisa gerar tráfego.

A primeira coisa que você precisa aprender, antes de criar um produto, é gerar tráfego para dentro do seu site, é aprender a vender, a trazer pessoas para comprar o seu produto.

Você pode aprender isso sendo um afiliado, primeiramente. Você aprende tudo que precisa como afiliado e depois pode criar o seu próprio produto, sabendo vender, sabendo gerar tráfego.

Acredito que os maiores cases de sucesso como produtores são pessoas que foram afiliados antes de serem produtores, pois já sabiam como vender.

Fazem um produto de qualidade, para que as pessoas gostem, depois comprem novamente, compartilhem com os amigos e talvez escolham ser afiliados. Mas, preciso dar 2 dicas para você, em questão de tráfego:

  • Passe, infinitamente, mais tempo fazendo o marketing desse produto:

Passar muito mais tempo divulgando esse produto do que passou criando é fundamental.

Formas de divulgação eficientes:

Você precisa focar o seu tempo em formas de divulgação eficientes. Existem centenas de formas de você divulgar um site ou um produto, mas você não precisa aprender todas.

Aplicar todas as formas que existem, de maneira bem feita, é praticamente impossível.

Você precisa fazer o “arroz com feijão”, que é básico, de maneira bem feita.

É o que todo mundo usa, é o que dá resultado, não é preciso inventar nada: Facebook Ads, Google Adwords, You Tube Ads, Remarketing, E-mail marketing, SEO, marketing de conteúdo, social media…

É só você aprender a aplicar essas formas de divulgação que todo mundo usa e que funciona, que você vai conseguir um bom resultado.

  • O tráfego é o ponto principal do seu produto.

Leia também: Como Trabalhar em Casa

como vender mais estrutura de vendas

 #3 Estrutura de vendas mal feita

Criar um produto e não dar atenção à qualidade dele, provavelmente não vai vender.

Se você criar um produto mal feito, produzido de qualquer jeito, com apenas uma página de vendas e um botão para clicar e com a narração feita através de programa de computador, não vai conseguir passar confiança e credibilidade para as pessoas.

No entanto, há produtos de um nicho bem fechado, que tem um público muito pequeno, mas como os produtores fazem um trabalho de divulgação muito bem feito, faz bastante sucesso e vende muito.

Isso acontece porque os produtores trabalham muito bem a venda em cima daquele único produto, com foco e dedicação, através das formas básicas e eficazes, que falei anteriormente.

Eles melhoram, constantemente, a página de vendas, melhoram os e-mails, a página do Facebook e todas as outras formas de divulgação, testando tráfego eficiente, fazendo anúncios melhores e estão melhorando cada vez mais a estrutura de vendas daquele produto.

Uma estrutura de vendas bem feita conta demais para o sucesso do seu produto.

Então, o que eu te recomendo fazer é:

Página de vendas:

  • Fazer uma página de vendas bem feita, bem bonita e totalmente profissional. Você pode fazer olhando outras páginas como um modelo ou você pode comprar uma página feita por um profissional;

 Vídeo de vendas:

  • Mesmo que você não seja bom fazendo gravação de vídeo, tente ter um tom de conversa, seja natural e não aquela coisa robotizada;
  • Quanto mais natural for a sua conversa no vídeo de vendas, mais ele vai converter;
  • A página de vendas não é fundamental, mesmo que pareça o ponto principal de uma venda digital;
  • O ponto alto de uma venda digital é o relacionamento que você constrói com as pessoas, é a parte em que você gera confiança para a sua audiência;
  • Por incrível que pareça, a página de vendas, às vezes, é um obstáculo para a pessoa voltar, pois muitas vezes ela quer comprar e tem que esperar o botão aparecer somente no final dá página e acaba ficando aborrecida;

Encontrar formas diferentes de converter a venda:

  • Ter uma página de vendas em vídeo;
  • Ter uma página de vendas em texto;
  • Fazer um webnário (você pode gravar de uma vez só, em um dia e deixar rodando);
  • Fazer um estudo de caso com algum aluno;
  • Fazer uma promoção (bônus extra, com algum afiliado…);
  • Encontrar pontos de você converter a venda.

Então, como você viu, é muito importante trabalhar bem essa estrutura de vendas do produto e ver o que as pessoas estão achando, o que está as impedindo de comprar e ir melhorando a sua estrutura a cada dia.

como vender mais manter o foco

#4 Falta de foco

Manter-se no topo é bem mais difícil que chegar até ele.

Quantas pessoas você já viu aparecer no mercado, dar um boom de faturamento e depois sumiu?

É muito mais comum aparecer pessoas que chegam a faturar muito e depois some do que pessoas que continuam no topo, vendendo seus produtos.

São poucos os que se mantém estáveis, no topo.

Isso acontece porque essas pessoas não tem foco, fazem uma tentativa de alguma coisa, depois tentam outra diferente e não focam em nenhuma delas.

Claro que, se você percebeu que aquela sua ideia não é tão boa assim, você precisa mudar, isso é completamente normal. Mas o erro está em perder o foco o tempo todo e querer resultados rapidamente. Não será tão rápido assim.

Então, é preciso:

  • Continuar com o foco em uma ideia;
  • Aplicar as estratégias com consistência;
  • Esperar os resultados;
  • Analisar os resultados;
  • Esperar a ideia ficar madura;
  • Testar coisas novas;
  • Avaliar as coisas novas;
  • Replicar o que deu certo;
  • Retirar o que deu errado;
  • Continuar com foco no mesmo projeto;

Não queira fazer 10 coisas ao mesmo tempo, porque nada sairá bem feito.

É melhor que você faça somente um projeto durante 1 ano, mas fazer tudo com excelência, do que fazer 10 coisas de qualquer jeito e não render nada para você. Dessa maneira, você ganha muito mais.

Espero que tenha ficado claro para você o porquê a maioria dos produtos não vende e o que você pode fazer a respeito, invertendo os pontos que falei nesse artigo, para que quando você lançar um produto, consiga ter ótimas vendas.

Vídeo Aula | Como Vender Mais Produtos de Afiliados

 

Leia mais artigos sobre: Empreendedorismo Digital

Até a próxima…

Olha Que Legal Também

20 Compart.
Compartilhar20
Twittar
Compartilhar
WhatsApp